12 de julho de 2009

O Menino do Pijama Listrado.

O foco principal do filme não é sobre a guerra, mas sobre uma família de um militar alemão, exposta as mudanças impostas pela guerra. Mostra ainda como alguns se oporam ao regime nazista, e dos muitos que se calaram para protegerem a si próprios e suas famílias. De maneira sensível a abordagem da amizade de dois garotos de 8 anos, em plena guerra que subjulgava incondicionalmente. Duas visões sobre uma realidade escura, pois tudo era feito sobre sigilo, nem mesmo as famílias dos militares sabiam o que acontecia nos campos de concentração, nem tão pouco a sociedade alemã em geral, pois somente muito tempo depois as informações do horrores dos campos se espalharam. Um belo filme que traz uma nova ótica.

7 comentários:

Cristiane disse...

Um tempo atrás vi o filme "Amém", que também traz uma nova ótica sobre a Guerra de Hitler. Lembrei de vários filmes sobre a temática ao ler o seu post: A queda - as últimas horas de Hitler; A vida dos outros (muito bom! não trata da guerra em si, mas de outro momento da Alemanha); e tem o "A culpa é de Fidel", que não trata da Alemanha, mas de um outro olhar sobre o comunismo.
Até o recente "O leitor", com a Kate Winslet, traz um nova ótica sobre as pessoas que trabalhavam com e para Hitler.
Se gosta da temática, todos estes são interessantes, mas destaco o "Amém", pelo inusitado.

Blog do Fer disse...

Valeu Cris pelas indicações, vou procurar sobre o 'Amém'.

Matheus Colen disse...

O leitor eu achei demais também. Realmente muito bom. Esse Menino do Pijama Listrado também foi uma nova ótica sobre um assunto já tão explorado.

Dá pra citar um monte de nomes de filmes que falam sobre guerra sem precisar pensar muito. O mérito está em conseguir uma abordagem diferente desse assunto.

Cesar Nicolini disse...

Olá Fer, legal teu blog, já adicionei na minha lista também.

Abraços

Blog do Fer disse...

Valeu Cesar!
Abraço

Dedinhos Nervosos disse...

Oi Fernando, esse filme é maravilhoso, não é? Eu saí do cinema arrasada, mas impressionada com essa visão tão delicada e inocente de uma das épocas mais vergonhosas da história.
Bjo.

Blog do Fer disse...

É um ótimo filme! Não só por retratar a guerra tão bem sob outro ângulo, mas aquela avidez do menino em saber o que havia atrás dos muros, quem não viveu isso na infância...

No teu blog não tem o teu nome, escreva aqui...

bjs